5 lições sobre segurança que podemos aprender com o documentário O Golpista do Tinder
Escolha como quer aprender:

É possível aprender algumas lições importantes sobre segurança digital e o comportamento dos criminosos com o documentário “O Golpista do Tinder”. Conheça algumas delas aqui.

5 lições sobre segurança que podemos aprender com o documentário O Golpista do Tinder

Pessoas mal intencionadas estão sempre de olho nos apps e ferramentas mais usadas pelos consumidores para criar novos golpes e fazer vítimas por aí. Um exemplo disso é retratado em um documentário da Netflix, O Golpista do Tinder.

O longa revela as ações de Shimon Hayut, um homem que usava o Tinder para enganar mulheres e aplicar golpes milionários nelas. 

O Golpista do Tinder acendeu o debate sobre como medidas de segurança digital devem fazer parte do nosso dia a dia na internet, mesmo dentro de aplicativos como os relacionamentos. 

Na sequência, o Cartão Carrefour selecionou algumas lições que podemos aprender com o documentário e que podem evitar que você também seja vítima de um golpe!
 

5 dicas que aprendemos como documentário “O Golpista do Tinder”

1 - Pense bem antes de emprestar dinheiro ou o cartão de crédito

Mesmo que você confie ou conheça bem uma pessoa, emprestar o cartão de crédito ou dinheiro para ela é algo bem delicado, afinal, existe sempre o risco dela não pagar e você acabar no prejuízo. 

Quando se trata de relacionamentos recentes, isso é ainda mais complicado, pois não há um histórico de confiança que garanta que o seu parceiro vai mesmo cumprir com o combinado. 

Na dúvida, o melhor é evitar o empréstimo e buscar outras formas de ajudar, como sugerir alternativas para conseguir uma renda extra.
 

2 - Atenção aos seus dados pessoais

Suas informações pessoais são muito importantes e devem ser protegidas dentro e fora da internet. 

Não deixe que sua carteira, bolsa ou mochila estejam em locais de fácil acesso para que ninguém possa ver ou fotografar seu RG, CNH ou Cartão Carrefour sem sua permissão. Evite também enviar seus dados por aplicativos de mensagens ou similares.

Tomando atitudes como essa, a chance de cair em um golpe durante um encontro, por exemplo, diminui drasticamente.
 

3 - Não compartilhe suas finanças

Em um início de relacionamento é natural conversar sobre assuntos como o trabalho, a família e os sonhos para o futuro. No entanto, o ideal é não abrir informações muito específicas, como, por exemplo, quanto ganha, qual o limite do seu cartão de crédito e quanto custou seu carro. 

Também não é prudente revelar detalhes da sua rotina e dos seus planos, como os horários em que você não está em casa e o quanto está guardando para aquela viagem dos sonhos. 

O compartilhamento dessas informações deve acontecer apenas quando o relacionamento é estável e duradouro, e já existe confiança suficiente para falar sobre finanças.
 

4 - Desconfie do “bom demais para ser verdade”

Pessoas que costumam aplicar golpes querem ganhar sua confiança a qualquer custo. Para isso, elas vão criar histórias para te convencer de que elas são bem-sucedidas e honestas. 

É comum que os golpistas se passem por herdeiros ou profissionais com altos salários para que você pense que eles jamais roubariam seu dinheiro. Muitas vezes, eles enganam as vítimas mostrando fotos de viagens, ostentando carros de luxo e roupas de grifes, mas é tudo fachada. 

Sendo assim, mesmo que você esteja se relacionando com uma pessoa que parece ser extremamente bem-sucedida, continue em alerta!
 

5 - Evite solicitar empréstimo para ajudar o outro

Uma das vítimas do golpista do Tinder acabou fazendo empréstimos e compras nos cartões de crédito para ajudar Shimon. A promessa é que ele iria devolver o dinheiro, mas, obviamente, isso nunca aconteceu. 

Se alguém te pedir para que você faça um empréstimo, peça um novo cartão de crédito ou mesmo compre um bem de alto valor em seu nome (como um carro, por exemplo) para ajudá-la, você pode estar entrando em uma situação muito perigosa.

A pessoa que deseja te convencer a tomar uma dessas atitudes provavelmente vai te contar uma história triste, ou dizer que vai entrar em um ótimo negócio e quer sua ajuda. Mas, mesmo assim, é preciso tomar muito cuidado e, idealmente, dizer não.
 

Outras características de um golpe

  • Querem sua atenção a todo custo: o excesso de mensagens e a impossibilidade de conversar com outras pessoas pode ser um sinal de que você está prestes a ser vítima de um golpe. Essa é uma tática para que você não tenha tempo para contar sobre o relacionamento para outras pessoas que possam te alertar. 
  • Querem sua confiança: ganhar a sua confiança é o principal objetivo de um golpista. Para isso, eles não vão economizar nas mentiras e podem te pedir várias vezes para demonstrar sua confiança neles.
  • Fazem abuso psicológico: mais uma característica de um golpe é a pressão psicológica que surge quando você se nega a fazer o que o criminoso quer. Caso você tenha se recusado a emprestar dinheiro e ouvido frases como “então, você não me ama de verdade", é bem provável que esteja conversando com um golpista. 

 

Além de todas essas lições, o Cartão Carrefour preparou outras dicas de segurança para você ficar atento no seu dia a dia.

Compartilhe esse conteúdo com seus amigos e familiares para que eles tenham cuidado e saibam como se prevenir!

 

 

Fique por dentro das novidades

O Cartão Carrefour tem muito mais dicas para você ficar sempre no comando das suas contas.


Não perca tempo! peça já seu cartão!
Mais artigos para você