Pular para o conteúdo

Dá para economizar nas festas de fim de ano?

Dá para economizar nas festas de fim de ano?

Educação Financeira

Economizar

23 Dec 2019

Dá para economizar nas festas de fim de ano?

Preparado para as festas de Natal e Ano novo? Veja dicas para conseguir economizar na preparação das ceias de fim de ano e na compra dos presentes!

Escolha como quer aprender:

Virada de ano é uma delícia e, vamos admitir, sinônimo de exagero. Exagero de compromissos, de comida, de decoração, de presentes e do lixo que se acumula depois das comemorações.

Para gastar menos nesta época, a saída é reduzir ou eliminar exageros, sem comprometer o espírito da comemoração. Fartura não significa desperdício. Mais que isso, consciência e sustentabilidade também podem ser sinônimo de economia.

 

6 dicas para economizar nas festas

1 - Evite desperdício de comida

Vamos começar pela comida? Não há como negar que a comilança é uma das grandes atrações do final de ano. Mas não é necessário cozinhar para 40 pessoas quando só se espera 20 convidados. Isso é desperdício de dinheiro, de comida e de esforço. Comece seu planejamento calculando a quantidade necessária para alimentar o número correto de pessoas

  • Para as entradinhas: pode calcular seis porções por pessoa. Amendoins, espetinhos e patês são opções baratas que agradam a todos.
  • Para a refeição: uma regra clássica é a de meio quilo de alimento por adulto -- sem contar sobremesa e bebida. Esteja ciente que, quanto mais opções de pratos, os convidados pegam porções menores de cada, mas acabam comendo mais.

Na hora de cozinhar, a economia também está nos ingredientes não processados, como grãos e verduras. Quanto menos ingredientes industrializados, como queijos e defumados, menor será o custo do prato e mais saudável ele fica!

 

2 - Pense na quantidade das bebidas

No caso de sucos e refrigerantes, a média é de três copos por pessoa. E como vai comprar quantidades maiores, você pode aproveitar promoções do tipo “compre 3 e leve 4 garrafas”. 

Bebidas alcoólicas consomem boa parte do orçamento da festa. A quantidade varia de acordo com o perfil da turma, mas não se esqueça que, quanto mais tempo durar a comemoração, mais garrafas serão consumidas. A conta é de uma dose por pessoa por hora. Para economizar, ofereça no máximo duas ou três alternativas alcoólicas.

 

3 - Calcule de acordo com seus convidados

Tem casas onde os parentes são mais comilões ou aparecem convidados de última hora. Quando fizer o cálculo, ajuste de acordo com o perfil dos seus convidados, porém não exagere.

Algumas famílias comemoram duas vezes o Natal. Neste caso, sobras do jantar do dia 24 podem ser consumidas no almoço do dia 25, quando ainda estão frescas e o apetite da turma tende a ser menor. 

Cada família tem sua maneira de dividir as despesas e as tarefas de organização da festa. Toda pessoa pode contribuir -- preparando um prato delicioso, trazendo bebidas, organizando o amigo oculto, decorando ou limpando a casa. 

 

4 - Faça um orçamento e se mantenha nele

Se uma pessoa arcar com a maior parte da despesa, é importante definir um orçamento – ou seja, quanto está disposta a gastar. Faça uma lista de compras e estabeleça o que é essencial, como ingredientes para a ceia. Se precisar reduzir o gasto, elimine o que é supérfluo, como itens de decoração, que inclusive podem ser reutilizados, emprestados ou feitos a mão.

Ah, e fique de olho nas promoções exclusivas do Cartão Carrefour que são sempre enviadas por e-mail ou SMS. Assim, você pode montar seu estoque quando encontrar uma promoção e não precisa deixar as compras para a última hora.

 

5 - Economize também nos presentes

Além da comida, também dá para economizar nos presentes. Em vez de comprar lembranças para a família inteira, uma alternativa mais contida é comprar só para as crianças. Para os adultos, pense em organizar uma brincadeira de amigo oculto ou recolher doações para uma instituição de caridade, como material de limpeza, que é algo fácil de arrecadar.

Quem quer economizar não deixa para comprar presentes na última hora. Se entrar naquele shopping center lotado no final de dezembro, vai comprar a primeira coisa que vê pela frente para sair de lá mais rápido. Isso significa que você não terá tempo nem tranquilidade para pesquisar preços ou procurar o presente perfeito para aquela pessoa querida. 

Se tiver habilidades manuais, você pode confeccionar presentes personalizados, gastando só com a matéria-prima.     

Vale lembrar que nem todo mundo faz questão de receber algo dentro de uma sacolinha decorada ou papel de embrulho. Papel de presente vira lixo assim que é rasgado e o Natal é um bom momento para apresentar conceitos de sustentabilidade à família. Você pode pensar em alguma embalagem criativa, como fitas ou tecido, ou mesmo dispensar esses itens.

 

6 - Dê um bom destino às sobras

Quando a festa terminar, não se esqueça de separar o lixo reciclável. Peça ajuda às crianças, que já têm esse costume. Se ainda tiver comida excedente, os alimentos podem ser levados a um lar de idosos ou abrigo de moradores de rua.

Sua família não precisa exagerar nem gastar demais para organizar uma festa gostosa e fraterna. Divirta-se e conte com o Carrefour Soluções Financeiras para aprender a economizar nos grandes eventos e nas pequenas decisões do seu dia a dia e tenha um excelente fim de ano!